quarta-feira, dezembro 22, 2010

Memórias lusitanas (26)...

Campeonato Nacional da 1ª Divisão, Época 1959/60

CAMPEÃO NACIONAL: SPORT LISBOA E BENFICA

CLASSIFICAÇÃO GERAL:


CLUBES-JOGOS-VITÓRIAS-EMPATES-DERROTAS-GM-GS-PONTOS

1º Benfica------26---20---5---1---75---27---45

2º Sporting--------26---19---5---2---82---20---43

3º Belenenses----26---15---6---5---58---25---36

4º FC Porto--------26---13---4---9---48---36---30

5º CUF--------------26---10---5---11---36---39---25

6º Académica-----26---8---9---9---40---41---25

7º V. Guimarães---26---8---7---11---47---43---23

8º Leixões----------26---8---7---11---48---56---23

9º Sp. Covilhã------26---8---6---12---32---49---22

10º L. Évora--------26---6---9---11---32---55---21

11º Atlético---------26---7---7---12---34---46---21

12º Braga------------26---6---8---12---24---39---20

13º V. Setúbal-----26---5---8---13---26---52---18

14º Boavista--------26---4---4---18---27---81---12

OS RESULTADOS DO CAMPEÃO:

SPORTING: 4-3 / 1-1

BELENENSES: 1-2 / 0-0

FC PORTO: 2-1 / 2-2

CUF: 2-1 / 5-1

ACADÉMICA: 5-1 / 2-0

V. GUIMARÃES: 4-1 / 1-1

LEIXÕES: 1-1 / 2-1

SP. COVILHÃ: 2-1 / 4-1

L. ÉVORA: 5-3 / 3-2

ATLÉTICO: 2-1 / 4-0

BRAGA: 2-0 / 3-0

V. SETÚBAL: 4-1 / 3-2

BOAVISTA: 9-0 / 2-0

OS NOMES DOS CAMPEÕES NACIONAIS:

Artur, Cavém, José Augusto, Costa Pereira, Mário João, José Águas, Santana, Coluna, Cruz, Neto, Serra, Saraiva, Ângelo, Palmeiro, Barroca, Mendes, Torres, Zezinho, e Alfredo. Treinador: Bela Guttmann

Depois de na temporada anterior ter levado o título nacional para o Norte o "velho feiticeiro" Guttmann conquistava em 59/60 o ceptro pelo Benfica. Um título que haveria de dar origem a um dos momentos mais gloriosos da vida das "águias": a Taça dos Clubes Campeões Europeus, a qual seria conquistada na época seguinte 

 Clássicos do Futebol Português
(Jogos entre os Três Grandes - FC Porto, Benfica, e Sporting - no Campeonato Nacional da 1ª Divisão da época de 1959/60)

3ª Jornada

FC Porto - Sporting: 1-4
Data: 4 de outubro de 1959
Estádio das Antas (Porto)
Árbitro: Álvaro Rodrigues (Coimbra)

FC Porto: Acúrsio, Virgílio, Miguel Arcanjo, Barbosa, Luís Roberto, Monteiro da Costa, Morais, Pedroto, Noé, Perdigão, e Teixeira I. Treinador: Hector Puricelli

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Morato I, Mendes, Hilário, Pérides, Hugo I, Fernando, Ferreira Pinto, Júlio, e Diego. Treinador: Fernando Vaz

Golos: 0-1 (Diego, aos 12m), 1-1 (Perdigão, aos 25m), 1-2 (Fernando, aos 43m), 1-3 (Diego, aos 56m), 1-4 (Fernando, aos ?m)


10ª Jornada

Benfica - FC Porto: 2-1
Data: 6 de dezembro de 1959
Estádio da Luz (Lisboa)
Árbitro: INácio Tereso (Setúbal)

Benfica: Costa Pereira, Serra, Artur Santos, Mário João, Neto, Cruz, José Augusto, Santana, José Águas, Coluna, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

FC Porto: Acúrsio, Virgílio, Miguel Arcanjo, Barbosa, Pedroto, Monteiro da Costa, Teixeira I, Hernâni, Daucik, Noé, e Humaitá. Treinador: Fernando Daucik

Golos: 1-0 (José Águas, aos 19m), 1-1 (Humaitá, aos 54m), 2-1 (José Águas, aos 78m)

José Augusto festeja o golo que deu o empate no terreno do grande rival da Segunda Circular
11ª Jornada

Sporting - Benfica: 1-1
Data: 13 de dezembro de 1959
Estádio de Alvalade (Lisboa)
Árbitro: Raul Martins (Lisboa)

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Lúcio, Ferreira Pinto, Hilário, Mendes, Hugo I, Faustino, Fernando, Seminário, e Diego. Treinador: Fernando Vaz

Benfica: Costa Pereira, Serra, Artur Santos, Mário João, Neto, Cruz, José Augusto, Santana, José Águas, Palmeiro, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

Golos: 1-0 (Seminário, aos 55m), 1-1 (José Augusto, aos 59m)

Na 16ª jornada o brasileiro Vadinho foi um verdadeiro pesadelo para o guarda-redes portista Acúrsio.
16ª Jornada

Sporting - FC Porto: 6-1
Data: 24 de janeiro de 1960
Estádio de Alvalade (Lisboa)
Árbitro: Manuel Lousada (Santarém)

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Lúcio, França, Hilário, Mendes, Hugo I, Faustino, Vadinho, Seminário, e Diego. Treinador: Fernando Vaz

FC Porto: Acúrsio, Virgílio, Paula, Barbosa, Pedroto, Monteiro da Costa, Haaz, Teixeira I, Daucik, Noé, e Humaitá. Treinador: Fernando Daucik

Golos: 1-0 (Vadinho, aos 17m), 2-0 (Faustino, aos 29m), 3-0 (Faustino, aos 46m), 4-0 (Vadinho, aos 55m), 5-0 (Vadinho, aos 57m), 5-1 (Daucik, aos 67m), 6-1 (Seminário, aos 89m)


23ª Jornada

FC Porto - Benfica: 2-2
Data: 3 de abril de 1960
Estádio das Antas (Porto)
Árbitro: Braga Barros (Leiria)

FC Porto: Acúrsio, Virgílio, Miguel Arcanjo, Barbosa, Luís Roberto, Monteiro da Costa, Morais, Hernâni, Daucik, Noé, e Humaitá. Treinador: Fernando Daucik

Benfica: Costa Pereira, Ângelo, Artur Santos, Mário João, Neto, Cruz, José Augusto, Santana, José Águas, Coluna, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

Golos: 0-1 (Cavé, aos 11m), 0-2 (Mário João, aos 85m), 1-2 (Luís Roberto, aos 86m), 2-2 (Humaitá, aos 90m)
José Augusto, considerado por muitos especialistas da bola como o melhor extremo direito
do futebol europeu na década de 60, agarrou a titularidade no Benfica precisamente
na temporada de 1959/60
24ª Jornada

Benfica - Sporting: 4-3
Data: 10 de abril de 1960
Estádio da Luz (Lisboa)
Árbitro: Clemente Henriques (Porto)

Benfica: Costa Pereira, Ângelo, Artur Santos, Mário João, Neto, Cruz, José Augusto, Santana, José Águas, Coluna, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Lúcio, Júlio, Hilário, Mendes, Monteiro, Morais, Vadinho, Seminário, e Diego. Treinador: Fernando Vaz

Golos: 1-0 (José Augusto, ao 1m), 2-0 (Cavém, aos 10m), 2-1 (Seminário, aos 19m), 3-1 (José Águas, aos 26m), 4-1 (José Águas, aos 50m), 4-2 (Monteiro, aos 81m), 4-3 (Lúcio, aos 84m)

Melhor marcador do Campeonato Nacional da 1ª Divisão da época 1959/60:

 Edmur (V. Guimarães): 25 golos

 CAMPEÃO NACIONAL DA 2ª DIVISÃO: BARREIRENSE
CAMPEÃO NACIONAL DA 3ª DIVISÃO: BENFICA DE CASTELO BRANCO

 Taça de Portugal, Época 1959/60

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Académica - Olhanense: 1-0 / 0-3

Sanjoanense - Montijo: 2-1 / 0-0

Almada - Chaves: 3-1 / 1-3 / 0-3 (desempate)

Atlético - Belenenses: 2-3 / 0-3

Ac. Viseu - V. Guimarães: 3-0 / 1-6

Desp. Beja - Benfica: 0-8 / 1-5

Barreirense - Torreense: 3-2 / 1-1

Serpa - Vila Real: 0-2 / 1-4

CUF - V. Setúbal: 0-2 / 1-2

Estoril - Vianense: 2-1 / 1-3

Leixões - Sporting: 1-3 / 0-2

L. Évora - Arroios: 9-3 / 7-0

Lusitano VRSA - Sp. Espinho: 0-0 / 0-7

Portimonense - Boavista: 3-0 / 1-3

Beira-Mar - FC Porto: 0-1 / 1-9

Braga - Juv. Évora: 5-1 / 6-2

Sp. Covilhã - U. Coimbra: 1-0 / 2-2

Farense - Peniche: 3-1 / 2-3

Salgueiros - Marinhense: 5-0 / 0-2

Olivais - Oriental: 3-1 / 0-4

Oliveirense - Caldas: 2-0 / 2-2

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Barreirense - Olhanense: 2-0 / 0-0

L. Évora - Belenenses: 1-4 / 1-3

Oriental - FC Porto: 0-2 / 1-9

Portimonense - Vianense: 1-1 / 0-2

Braga - Vila Real: 3-0 / 1-1

Salgueiros - Chaves: 2-0 / 1-4

Sporting - Sp. Espinho: 2-0 / 7-2

Oliveirense - Benfica: 2-3 / 0-5

V. Setúbal - Sp. Covilhã: 2-2 / 3-3 / 1-5 (desempate)

V. Guimarães - Sanjoanense: 5-1 / 3-0

Oitavos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Chaves - Barreirense: 1-1 / 0-0 / 1-3 (desempate)

Braga - Belenenses: 0-1 / 0-1

Sp. Covilhã - FC Porto: 1-1 / 0-5

Vianense - Benfica: 1-2 / 0-6

Sporting - Farense: 6-0 / 3-4

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Belenenses - SC Portugal: 6-0 / 3-0

Barreirense - FC Porto: 0-0 / 0-4

Benfica - Angrense: 2-0 / 10-0

Sporting - V. Guimarães: 4-0 / 1-2

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

FC Porto - Belenenses: 1-3 / 1-0

Sporting - Benfica: 3-0 / 0-0

Final

Belenenses - Sporting: 2-1


Data: 3 de Julho de 1960

Estádio: Estádio Nacional, em Lisboa

Belenenses: José Pereira, Rosendo, Raul Moreira, Vicente Lucas, Francisco Pires, Manuel Castro, Yaúca, António Carvalho, Tonho, Matateu, e Mansidão. Treinador: Otto Glória

Sporting: Octávio Sá, Mário Lino, Hilário, Fernando Mendes, Lúcio, David Júlio, Sarmento, Faustino Pinto, Vadinho, Diego Arizaga, e Seminário. Treinador: Alfredo Gonzalez

Marcadores: António Carvalho, Matateu; Arizaga

Comandado pelo "mago" Matateu, um dos jogadores portugueses mais virtuosos de todos os tempos, o "4º Grande" do futebol português, Belenenses, conquistava em 1960 a segunda Taça de Portugal da sua história

Vídeo: BELENENSES - SPORTING
video

Clássicos do Futebol Português
(Jogos entre os Três Grandes - FC Porto, Benfica, e Sporting - na Taça de Portugal da época de 1959/60)

1ª mão das meias-finais

Sporting - Benfica: 3-0
Data: 19 de junho de 1960
Estádio de Alvalade (Lisboa)
Árbitro: Francisco Guerra

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Morato I, Júlio, Hilário, Mendes, Hugo, Faustino, Vadinho, Seminário, e Diego. Treinador: Fernando Vaz

Benfica: Costa Pereira, Ângelo, Artur Santos, Mário João, Saraiva, Cruz, José Augusto, Santana, José Torres, Coluna, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

Golos: 1-0 (Hugo, aos 55m), 2-0 (Diego, aos 73m), 3-0 (Seminário, aos 82m)

  
2ª mão das meias-finais

Benfica - Sporting: 0-0
Data: 26 de junho de 1960
Estádio da Luz (Lisboa)
Árbitro: Caetano Nogueira

Benfica: Costa Pereira, Ângelo, Artur Santos, Mário João, Saraiva, Neto, José Augusto, Santana, Mendes, Coluna, e Cavém. Treinador: Bela Guttmann

Sporting: Octávio de Sá, Lino, Morato I, Júlio, Hilário, Mendes, Hugo, Faustino, Vadinho, Seminário, e Diego. Treinador: Fernando Vaz
 

Nenhum comentário: