terça-feira, outubro 25, 2011

Eurotaças em números (20)...

TAÇA DOS CAMPEÕES EUROPEUS

Época 1974/75

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Hvidovre (Dinamarca) - Ruch Chorzow (Polónia): 0-0/1-2

Jeunesse Esch (Luxemburgo) - Fenerbahce (Turquia): 2-3/0-2

Hajduk Split (Jugoslávia) - Keflavik (Islândia): 7-1/2-0

Vídeo: SAINT-ÈTIENNE - SPORTING
Saint-Ètienne (França) - Sporting (Portugal): 2-0/1-1 (golo luso: Yazalde)

Cork Celtic (Rep.Irlanda) - Omonia (Chipre): (cipriotas desistem da eliminatória)

Viking (Noruega) - Ararat Yerevan (União Soviética): 0-2/2-4

Levski (Bulgária) - Ujpest (Hungria): 0-3/1-4

Slovan Bratislava (Checoslováquia) - Anderlecht (Bélgica): 4-2/1-3 (Anderlecht vence por golos fora)

Celtic (Escócia) - Olympiakos (Grécia): 1-1/0-2

Feyenoord (Holanda) - Coleraine (Irlanda do Norte): 7-0/4-1

VOEST Linz (Áustria) - Barcelona (Espanha): 0-0/0-5

Valletta FC (Malta) - HJK Helsínquia (Finlândia): 1-0/1-4

Universitatea Craiova (Roménia) - Atvidaberg (Suécia): 2-1/1-3

Leeds United (Inglaterra) - FC Zurich (Suíça): 4-2/1-2

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Ruch Chorzow (Polónia) - Fenerbahce (Turquia): 2-1/2-0

Hajduk Split (Jugoslávia) - Saint-Ètienne (França): 4-1/1-5

Bayern (Alemanha Ocidental) - Magdeburgo (Alemanha Oriental): 3-2/2-1

Cork Celtic (Rep.Irlanda) - Ararat Yerevan (União Soviética): 1-2/0-5

Ujpest (Hungria) - Leeds United (Inglaterra): 1-2/0-3

Anderlecht (Bélgica) - Olympiakos (Grécia): 5-1/0-3

Feyenoord (Holanda) - Barcelona (Espanha): 0-0/0-3

HJK Helsínquia (Finlândia) - Atvidaberg (Suécia): 0-3/0-1

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Ruch Chorzow (Polónia) - Saint-Ètienne (França): 3-2/0-2

Bayern (Alemanha Ocidental) - Ararat Yerevan (União Soviética): 2-0/0-1

Vídeo: LEEDS UNITED - ANDERLECHT 
Vídeo: ANDERLECHT - LEEDS UNITED
Leeds United (Inglaterra) - Anderlecht (Bélgica): 3-0/1-0

Barcelona (Espanha) - Atvidaberg (Suécia): 2-0/3-0

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Saint-Ètienne (França) - Bayern (Alemanha Ocidental): 0-0/0-2

Vídeo: LEEDS UNITED - BARCELONA 
Vídeo: BARCELONA - LEEDS UNITED
Leeds United (Inglaterra) - Barcelona (Espanha): 2-1/1-1

Final

Bayern (Alemanha Ocidental) - Leeds United (Inglaterra): 2-0


Data: 28 de Maio de 1975

Estádio: Parque dos Princípes, Paris (França)

Árbitro: Michel Kitabdjian (França)

Bayern: Maier, Beckenbauer, Schwarzenbeck, Durnberger, Andersson (Weiss, aos 4m), Zobel, Roth, Kapellmann, Hoeness (Wunder, aos 42m), Muller, e Torstensson. Treinador: Dettmar Cramer

Leeds United: Stewart, Reaney, F. Gray, Madeley, Hunter, Bremner, Giles, Yorath (E. Gray, aos 80m), Lorimer, Clarke, e Jordan. Treinador: Jimmy Armfield

Golos: 1-0 (Roth, aos 71m), 2-0 (Muller, aos 81m)


Nunca Paris teve tanto encanto para os alemães como na noite de 28 de Maio de 75, altura em que o Bayern ergueu nos céus da "Cidade-Luz" a sua segunda Taça dos Campeões Europeus.

Vídeo: BAYERN - LEEDS UNITED




Melhores marcadores:Gerd Muller (Bayern): 5 golos

TAÇA DAS TAÇAS

Época 1974/75

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Dundee Utd. (Escócia) - Jiul Petrosani (Roménia): 3-0/0-2

Bursaspor (Turquia) - Finn Harps (Rep.Irlanda): 4-2/0-0

Eintracht Frankfurt (Alemanha Ocidental) - Mónaco (França): 3-0/2-2

Dynamo Kiev (União Soviética) - CSKA Sofia (Bulgária): 1-0/1-0

Gwardia (Polónia) - Bolonha (Itália): 2-1/1-2 (Gwardia vence nos penaltis)

PSV (Holanda) - Ards (Irlanda do Norte): 10-0/4-1

Slavia Praga (Checoslováquia) - Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental): 1-0/0-1 (Carl Zeiss Jena vence nos penaltis)

Benfica (Portugal) - Vanlose (Dinamarca): 4-0/4-1 (golos lusos: Jordão (2), Nené, Barros/Jordão (2), Humberto Coelho, Nené)

Malmo (Suécia) - Sion (Suíça): 1-0/0-1 (Malmo vence nos penaltis)

Sliema Wanderers (Malta) - Reipas (Finlândia): 2-0/1-4

Liverpool (Inglaterra) - Stromsgodset (Noruega): 11-0/1-0

Ferencvaros (Hungria) - Cardiff City (País de Gales): 2-0/4-1

Fram (Islândia) - Real Madrid (Espanha): 0-2/0-6

Waregem (Bélgica) - Áustria Viena (Áustria): 2-1/1-4

PAOK (Grécia) - Estrela Vermelha (Jugoslávia): 1-0/0-2

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Dundee Utd. (Escócia) - Bursaspor (Turquia): 0-0/0-1

Eintracht Frankfurt (Alemanha Ocidental) - Dynamo Kiev (União Soviética): 2-3/1-2

Gwardia (Polónia) - PSV (Holanda): 1-5/0-3

Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental) - Benfica (Portugal): 1-1/0-0 (Benfica vence por golos fora) (golo luso: Nené)

Malmo (Suécia) - Reipas (Finlândia): 3-1/0-0

Liverpool (Inglaterra) - Ferencvaros (Hungria): 1-1/0-0 (Ferencvaros vence por golos fora)

Real Madrid (Espanha) - Áustria Viena (Áustria): 3-0/2-2

Avenir Beggen (Luxemburgo) - Estrela Vermelha (Jugoslávia): 1-6/1-5

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Bursaspor (Turquia) - Dynamo Kiev (União Soviética): 0-1/0-2

PSV (Holanda) - Benfica (Portugal): 0-0/2-1 (golo luso: Humberto Coelho)

Malmo (Suécia) - Ferencvaros (Hungria): 1-3/1-1

Real Madrid (Espanha) - Estrela Vermelha (Jugoslávia): 2-0/0-2 (Estrela Vermelha vence nos pénaltis)

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Dynamo Kiev (União Soviética) - PSV (Holanda): 3-0/1-2

Ferencvaros (Hungria) - Estrela Vermelha (Jugoslávia): 2-1/2-2

Final

Dynamo Kiev (União Soviética) - Ferencvaros (Hungria): 3-0


Data: 14 de Maio de 1975

Estádio: Saint Jakob Stadium, em Basileia (Suíça)

Árbitro: Robert Davidson (Escócia) Dynamo Kiev: Rudakov; Troshkin, Matvienko, Reshko, Fomenko; Muntjan, Konkov, Burjak, Kolotov; Onischenko, Blokhin. Treinador: Valeriy Lobanovskiy

Ferencvaros: Geczi; Martos, Megyesi, Pataki, Rab; Nyilasi (Onhaus, aos 60m), Juhasz, Mucha; Szabo, Mate, Magyar. Treinador: Jenő Dalnoki

Golos: 1-0 (Onischenko, aos 18m) 2-0 (Onischenko, aos 39m), 3-0 (Blokhin, aos 67m)

Orientado pelo lendário mestre da táctica Valeriy Lobanovskiy os então soviéticos do Dynamo Kiev deram em 75 o primeiro passo de uma gloriosa caminhada europeia que se haveria de prolongar até à década de 80 com a obtenção de mais dois títulos europeus e mais do que isso inúmeras noites de mágico - e inolvidável - futebol.

Vídeo: DYNAMO KIEV - FERENCVAROS




Melhor marcador: Onishenko (Dynamo Kiev): 8 golos

TAÇA UEFA

Época 1974/75

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Lyon (França) - Red Boys (Luxemburgo): 7-0/4-1

Valur (Islândia) - Portadown (Irlanda do Norte): 0-0/1-2

Derby County (Inglaterra) - Servette (Suíça): 4-1/2-1

Ipswich Town (Inglaterra) - Twente (Holanda): 2-2/1-1 (Twente vence por golos fora)

Stoke City (Inglaterra) - Ajax (Holanda): 1-1/0-0 (Ajax vence por golos fora)

Molenbeek (Bélgica) - Dundee FC (Escócia): 1-0/4-2

Rosenborg (Noruega) - Hibernian (Escócia): 2-3/1-9

FC Porto (Portugal) - Wolverhampton (Inglaterra): 4-1/1-3 (golos lusos: Cubillas, Flávio, Gomes, McAlle (p.b.))/Cubillas

Etar (Hungria) - Inter (Itália): 0-0/0-3

Gornik (Polónia) - Partizan (Jugoslávia): 2-2/0-3

Start (Noruega) - Djurgardens (Suécia): 1-2/0-5

Boluspor (Turquia) - Dinamo Bucareste (Roménia): 0-1/0-3

Spartak Moscovo (União Soviética) - Vélez Mostar (Jugoslávia): 3-1/0-2 (Vélez vence por golos fora)

Besiktas (Turquia) - Steagul Rosu Braşov (Roménia): 2-0/0-3

Wacker Innsbruck (Áustria) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 2-1/0-3

Sturm Graz (Áustria) - Royal Antuérpia (Bélgica): 2-1/0-1 (Antuérpia vence por golos fora)

Randers (Dinamarca) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 1-1/0-0 /(Dynamo vence por golos fora)

Hamburgo (Alemanha Ocidental) - Bohemians (Rep.Irlanda): 3-0/1-0

Rapid Viena (Áustria) - Aris Salónica (Grécia): 3-1/0-1

Real Sociedad (Espanha) - Banik Ostrava (Checoslováquia): 0-1/0-4

Lokomotiv Plovdiv (Bulgária) - Raba ETO Gyor (Hungria): 3-1/1-3 (Raba ETO vence nos pénaltis)

Osters (Suécia) - Dynamo Moscovo (União Soviética): 3-2/1-2 (Dynamo vence por golos fora)

Nantes (França) - Légia (Polónia): 2-2/1-0

Nápoles (Itália) - Videoton (Hungria): 2-0/1-1

Vorwarts (Alemanha Oriental) - Juventus (Itália): 2-1/0-3

Grasshoppers (Suíça) - Panathinaikos (Grécia): 2-0/1-2

Torino (Itália) - Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental): 1-1/1-3

Colónia (Alemanha Ocidental) - KPV (Finlândia): 5-1/4-1

FC Amesterdão (Holanda) - Hibernians (Malta): 5-0/7-0

KB (Dinamarca) - Atlético Madrid (Espanha): 3-2/0-4

Vitória Setúbal (Portugal) - Real Zaragoza (Espanha): 1-1/0-4 (golos luso: Vicente)

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Derby County (Inglaterra) - Atlético Madrid (Espanha): 2-2/2-2 (Derby vence nos pénaltis)

Hibernian (Escócia) - Juventus (Itália): 2-4/0-4

Partizan (Jugoslávia) - Portadown (Irlanda do Norte): 5-0/1-1

Nantes (França) - Banik Ostrava (Checoslováquia): 1-0/0-2

Dinamo Bucareste (Roménia) - Colónia (Alemanha Ocidental): 1-1/2-3

Raba ETO Gyor (Hungria) - Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental): 2-0/0-3

Rapid Viena (Áustria) - Vélez Mostar (Jugoslávia): 1-1/0-1

Dynamo Dresden (Alemanha Oriental) - Dynamo Moscovo (União Soviética): 1-0/0-1 (Dresden vence nos pénaltis)

Grasshoppers (Suíça) - Real Zaragoza (Espanha): 2-1/0-5

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Lyon (França): 1-0/5-2

Hamburgo (Alemanha Ocidental) - Steagul Rosu Brasov (Roménia): 8-0/2-1

Twente (Holanda) - Molenbeek (Bélgica): 2-1/1-0

Djurgardens (Suécia) - Dukla Praga (Checoslováquia): 0-2/1-3

Inter (Itália) - FC Amesterdão (Holanda): 1-2/0-0

Nápoles (Itália) - FC Porto (Portugal): 1-0/1-0

Ajax (Holanda) - Royal Antuérpia (Bélgica): 1-0/1-2 (Ajax vence por golos fora)

Oitavos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Nápoles (Itália) - Banik Ostrava (Chescoslováquia): 0-2/1-1

Hamburgo (Alemanha Ocidental) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 4-1/2-2

Dukla Praga (Checoslováquia) - Twente (Holanda): 3-1/0-5

Partizan (Jugoslávia) - Colónia (Alemanha Ocidental): 1-0/1-5

FC Amesterdão (Holanda) - Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental): 3-0/2-1

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): Real Zaragoza (Espanha): 5-0/4-2

Juventus (Itália) - Ajax (Holanda): 1-0/1-2 (Juventus vence por golos fora)

Vídeo: DERBY COUNTY - VÉLEZ MOSTAR
Derby County (Inglaterra) - Vélez Mostar (Jugoslávia): 3-1/1-4

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Juventus (Itália) - Hamburgo (Alemanha Ocidental): 2-0/0-0

Colónia (Alemanha Ociental) - FC Amesterdão (Holanda): 5-1/3-2

Vélez Mostar (Jugoslávia) - Twente (Holanda): 1-0/0-2

Banik Ostrava (Checoslováquia) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 0-1/1-3

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Twente (Holanda) - Juventus (Itália): 3-1/1-0

Colónia (Alemanha Ocidental) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 1-3/0-2

Final (1ª mão)

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Twente (Holanda): 0-0


Data: 7 de Maio de 1975

Estádio: Rheinstadion, em Dusseldorf (Alemanha Ocidental)

Borussia Monchengladbach: Kleff; Wittkamp, Stielike, Vogts, Surau; bonhof, Wimmer, Danner(Del'Haye, aos 75m), Kulik (Schaffer, aos 78m); Simonsen, Jensen. Treinador: Hennes Weisweiler

Twente: Gross; Drost, Van Ierssel, Overweg, Oranen; Thijssen, Pahlplatz,Van der Vall, Bos; Jeuring (Achterberg, aos 86m), Zuidema. Treinador: Antoine Kohn

Final (2ª mão)

Twente (Holanda) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 1-5


Data: 21 de Maio de 1975

Estádio: Diekman, em Enschede (Holanda) Twente: Gross; Drost, Van Ierssel, Overweg, Oranen, Bos (Muhren, aos 53m), Thijssen, Pahlplatz (Achterberg, aos 75m), Van der Vall, Jeuring, Zuidema. Treinador: Antoine Kohn

Borussia Monchengladbach: Kleff; Wittkamp, Vogts, Surau (Schaffer, aos 13m), Klinkhammer; Bonhof, Wimmer (Koppel, aos 75m), Danner; Simonsen, Hensen, Heynckes. Treinador: Hennes Weisweiler

Golos: 0-1 (Simonsen, aos 2m), 0-2 (Heynckes, aos 9m), 0-3 (Heynckes, aos 50m), 0-4 (Heynckes, aos 60m), 1-4 (Drost, aos 76m), 1-5 (Simonsen, aos 86m)Numa década em que dividia os comandos do futebol alemão com o Bayern de Munique o Borussia de Monchengladbach vencia em 1975 a primeira das duas Taças UEFA conquistada na década de 70.

SUPERTAÇA EUROPEIA

Época 1974/75

1ª mão


Bayern (Alemanha Ocidental) - Dynamo Kiev (União Soviética): 0-1

Data: 9 de Setembro de 1975

Estádio: Olímpico de Munique (Alemanha Ocidental)

Bayern: Maier, Zobel, Horsmann, Schwarzenbeck, Beckenbauer, Weiss, Dürnberger(Roth), K.H. Rummenigge, G. Müller, Kappelmann, Wunder. Treinador: Dettmar Cramer

Dynamo Kiev: Rudakov, Troshkin, Fomenko, Reshkov, Suyev, Konykov, Damyn, Buryak, Kolotov, Slobodyan, Blokhin. Treinador: Valeri Lobanovsky Golo: 1-0 (Blokhin, aos 66m)

Vídeo: BAYERN - DYNAMO KIEV




2ª mão

Dynamo Kiev (União Soviética) - Bayern (Alemanha Ocidental): 2-0


Data: 6 de Outubro de 1975

Estádio: Republican Stadium, em Kiev (União Soviética)

Dynamo Kiev: Rudakov, Troshkin, Fomenko, Reshkov, Suyev, Konykov, Muntyan, Buryak, Veremeyev, Onyshenko, Blokhin. Treinador: Valeri Lobanovsky

Bayern: Maier, Weiss, Horsmann, Schwarzenbeck, Beckenbauer, Roth, Dürnberger (Hansen), Schuster (Torstensson), Wunder, Kappelmann, K.H. Rummenigge. Treinador:Dettmar Cramer

Golos: 1-0 (Blokhin, aos 40m), 2-0 (Blokhin, aos 53m)O Dynamo Kiev começava a cimentar o seu nome entre os grandes do futebol europeu. Depois da Taça das Taças a equipa do "velho lobo" Lobanobsky arrecadava a Supertaça Europeia à conta do todo poderoso Bayern.

Vídeo: DYNAMO KIEV - BAYERN


quinta-feira, outubro 20, 2011

Eurotaças em números (19)...

TAÇA DOS CAMPEÕES EUROPEUS

Época 1973/74

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Viking (Noruega) - Spartak Trnava (Checoslováquia): 1-2/0-1

Zorya Voroshilovgrad (União Soviética) - Apoel (Chipre): 2-0/1-0

Benfica (Portugal) - Olympiakos (Grécia): 1-0/1-0 (golos lusos: Messias/Nené)

Waterford United (Rep.Irlanda) - Ujpest (Hungria): 2-3/0-3

Bayern (Alemanha Ocidental) - Atvidaberg (Suécia): 3-1/1-3 (Bayern vence nos pénaltis)

Dynamo Dresden (Alemanha Oriental) - Juventus (Itália): 2-0/2-3

CSKA (Bulgária) - Wacker (Áustria): 3-0/1-0

Club Brugge (Bélgica) - Floriana (Malta): 8-0/2-0

Basileia (Suíça) - Fram (Islândia): 5-0/6-2

TPS (Finlândia) - Celtic (Escócia): 1-6/0-3

Vejle (Dinamarca) - Nantes (França): 2-2/1-0

Estrela Vermelha (Jugoslávia) - Stal Mielec (Polónia): 2-1/1-0

Jeunesse Esch (Luxemburgo) - Liverpool (Inglaterra): 1-1/0-2

Crusaders (Irlanda do Norte) - Dinamo Bucareste (Roménia): 0-1/0-11

Atlético Madrid (Espanha) - Galatasaray (Turquia): 0-0/1-0

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Spartak Trnava (Checoslováquia) - Zorya Voroshilovgrad (União Soviética): 0-0/1-0

Benfica (Portugal) - Ujpest (Hungria): 1-1/0-2 (golo luso: Eusébio)

Bayern (Alemanha Ocidental) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 4-3/3-3

Ajax (Holanda) - CSKA (Bulgária): 1-0/0-2

Club Brugge (Bélgica) - Basileia (Suíça): 2-1/4-6

Celtic (Escócia) - Vejle (Dinamarca): 0-0/1-0

Vídeo: ESTRELA VERMELHA - LIVERPOOL
Vídeo: LIVERPOOL - ESTRELA VERMELHA
Estrela Vermelha (Jugoslávia) - Liverpool (Inglaterra): 2-1/2-1

Dinamo Bucareste (Roménia) - Atlético Madrid (Espanha): 0-2/2-2

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Spartak Trnava (Checoslováquia) - Ujpest (Hungria): 1-1/1-1 (Ujpest vence nos pénaltis)

Bayern (Alemanha Ocidental) - CSKA (Bulgária): 4-1/1-2

Basileia (Suíça) - Celtic (Escócia): 3-2/2-4

Estrela Vermelha (Jugoslávia) - Atlético Madrid (Espanha): 0-2/0-0

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Ujpest (Hungria) - Bayern (Alemanha Ocidental): 1-1/0-3

Celtic (Escócia) - Atlético Madrid (Espanha): 0-0/0-2

Final

Bayern (Alemanha Ocidental) - Atlético Madrid (Espanha): 1-1


Data: 15 de Maio de 1974

Estádio: Heysel Stadium, Bruxelas (Bélgica)

Árbitro: Vital Loraux (Bélgica)

Bayern: Maier, Hansen, Breitner, Schwarzenbeck, Beckenbauer, Roth, Zobel, Hoeness, Torstensson (Durnberger, aos 76m), Muller, e Kapellmann. Treinador: Udo Lattek

Atlético Madrid: Reina, Melo, Capón, Rodriguez, Heredia, Aragonés, Bejarano, Irureta, Ufarte (Becerra, aos 69m), Gárate, e Salcedo (Fernandez, aos 90m). Treinador: Juan Carlos Lorenzo

Golos: 1-0 (Aragonés, aos 114m), 1-1 (Schwarzenbeck, aos 119m)

Finalissima

Bayern (Alemanha Ocidental) - Atlético Madrid (Espanha): 4-0


Data: 17 de Maio de 1974

Estádio: Heysel Stadium, Bruxelas (Bélgica)

Árbitro: Alfred Delcourt (Bélgica)

Bayern: Maier, Hansen, Breitner, Schwarzenbeck, Beckenbauer, Roth, Zobel, Hoeness, Torstensson, Muller, e Kapellmann. Treinador: Udo Lattek

Atlético Madrid: Reina, Melo, Capón, Rodriguez (Benegas, aos 61m), Heredia, Aragonés, Bejarano, Becerra, Gárate, Salcedo, e Fernandez (Ufarte, aos 65m). Treinador: Juan Carlos Lorenzo

Golos: 1-0 (Hoeness, aos 28m), 2-0 (Muller, aos 58m), 3-0 (Muller, aos 71m), 4-0 (Hoeness, aos 83m)



Pela primeira e única vez na história da Taça/Liga dos Campeões Europeus foi necessário recorrer a uma segunda final, ou finalissima se preferirem, para conhecer um vencedor. Tal facto ocorreu em 73/74, época em que o futebol holandês passou o testemunho de "Rei da Europa" ao futebol germânico, aqui personificado pelo colosso Bayern de Munique. 

Vídeo: BAYERN - ATLÉTICO MADRID



Melhor marcador:
Gerd Muller (Bayern): 8 golos 
 
TAÇA DAS TAÇAS

Época 1973/74

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Vasas (Hungria) - Sunderland (Inglaterra): 0-2/0-1

Cardiff City (País de Gales) - Sporting (Portugal): 0-0/1-2 (golos lusos: Yazalde, Figueiredo)

Anderlecht (Bélgica) - FC Zurich (Suíça): 3-2/0-1 (Zurich vence por golos fora)

Pezoporikos (Chipre) - Malmo (Suécia): 0-0/0-11

Banik Ostrava (Checoslováquia) - Cork Hibernians (Rep.Irlanda): 1-0/2-1

NAC Breda (Holanda) - Magdeburgo (Alemanha Oriental): 0-0/0-2

Beroe Stara Zagora (Bulgária) - Fola Esch (Luxemburgo): 7-0/4-1

Torpedo Moscovo (União Soviética) - Athletic Bilbao (Espanha): 0-0/0-2

Milan (Itália) - Dinamo Zagreb (Jugoslávia): 3-1/1-0

Randers (Dinamarca) - Rapid Viena (Áustria): 0-0/1-2

Reipas (Finlândia) - Lyon (França): 0-0/0-2

Légia (Polónia) - PAOK (Grécia): 1-1/0-1

Gzira United (Malta) - Brann (Noruega): 0-2/0-7

Chimia Valcea (Roménia) - Glentoran (Irlanda do Norte): 2-2/0-2

IB (Islândia) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 0-7/1-9

Ankaragucu (Turquia) - Rangers (Escócia): 0-2/0-4

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Sunderland (Inglaterra) - Sporting (Portugal): 2-1/0-2 (golos lusos: Yazalde/Yazalde, Fraguito)

FC Zurich (Suíça) - Malmo (Suécia): 0-0/1-1 (Zurich vence por golos fora)

Banik Ostrava (Checoslováquia) - Magdeburgo (Alemanha Oriental): 2-0/0-3

Beroe Stara Zagora (Bulgária) - Athletic Bilbao (Espanha): 3-0/0-1

Milan (Itália) - Rapid Viena (Áustria): 0-0/2-0

Lyon (França) - PAOK (Grécia): 3-3/0-4

Brann (Noruega) - Glentoran (Irlanda do Norte): 1-1/1-3

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Rangers (Escócia): 3-0/2-3

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Sporting (Portugal) - FC Zurich (Suíça): 3-0/1-1 (golos lusos: Nélson, Marinho, Yazalde/Baltasar)

Magdeburgo (Alemanha Oriental) - Beroe Stara Zagora (Bulgária): 2-0/1-1

Milan (Itália) - PAOK (Grécia): 3-0/2-2

Glentoran (Irlanda do Norte) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 0-2/0-5

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Vídeo: SPORTING - MAGDEBURGO
Sporting (Portugal) - Magdeburgo (Alemanha Oriental): 1-1/1-2 (golos lusos: Manaca/Marinho)

Milan (Itália) - Borussia Monchengladebach (Alemanha Ocidental): 2-0/0-1

Final

Magdeburgo (Alemanha Oriental) - Milan (Itália): 2-0


Data: 8 de Maio de 1974

Estádio: Feyenoord Stadium, em Roterdão (Holanda)

Árbitro: Arie van Gemert (Holanda)

Magdeburgo: Schulze; Enge, Zapf, Tyll, Abraham; Seguin, Pommerenke, Gaube; Raugust, Sparwasser, Hoffmann. Treinador: Heinz Krügel

Milan: Pizzabella; Sabadini, Anquilletta, Lanzi, Schnellinger; Benetti, Maldera, Rivera; Tresoldi, Bigon, Bergamaschi (Turini, aos 60m). Treinador: Giovanni Trapattoni

Golos: 1-0 (Lanzi, aos 43m (a.g.)), 2-0 (Seguin, aos 74m)

Numa época em que a Alemanha se encontrava dividida em duas metades a parte Oriental ostentava o desígnio de parente pobre no que ao futebol dizia respeito. 1974, porém, foi uma excepção à regra, já que o Magdeburgo levava para a Alemanha Oriental o único troféu europeu da história daquele país, a Taça das Taças.

Vídeo: MAGDEBURGO - MILAN



Melhor marcador:Jupp Heynckes (Borussia Monchengladbach): 10 golos

TAÇA UEFA

Época 1973/74

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Fredrikstad (Noruega) - Dynamo Kiev (União Soviética): 0-1/0-4

Ruch Chorzow (Polónia) - Wuppertaler (Alemanha Ocidental): 4-1/4-5

BK 1903 (Dinamarca) - AIK (Suécia): 2-1/1-1

Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental) - Mikkelin (Finlândia): 3-0/3-0

Vídeo: LEEDS UNITED - STROMSGOSET
Stromsgodset (Noruega) - Leeds Utd. (Inglaterra): 1-1/1-6

Osters (Suécia) - Feyenoord (Holanda): 1-3/1-2

Hibernian (Escócia) - IBK (Islândia): 2-0/1-1

Nice (França) - Barcelona (Espanha): 3-0/0-2

Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental) - Naestved (Dinamarca): 1-0/2-2

Grasshoppers (Suíça) - Tottenham (Inglaterra): 1-5/1-4

Aberdeen (Escócia) - Finn Harps (Rep.Irlanda): 4-1/3-1

Dundee (Escócia) - Twente (Holanda): 1-3/2-4

Espanyol (Espanha) - Molenbeek (Bélgica): 0-3/2-1

Belenenses (Portugal) - Wolverhampton (Inglaterra): 0-2/1-2 (golo luso: Murça)

U. Luxembourg (Luxemburgo) - Marselha (França): 0-5/1-7

Vitória Setúbal (Portugal) - Beerschot (Bélgica): 2-0/2-0 (golos lusos: Torres (2)/Duda, José Maria)

Vídeo: IPSWICH TOWN - REAL MADRID
Ipswich Town (Inglaterra) - Real Madrid (Espanha): 1-0/0-0

Lázio (Itália) - Sion (Suíça): 3-0/1-3

Sliema Wanderers (Malta) - Lokomotiv Plovdiv (Bulgária): 0-2/0-1

Fiorentina (Itália) - Universitatea Craiova (Roménia): 0-0/0-1

Ferencvaros (Hungria) - Gwardia (Polónia): 0-1/1-2

Estugarda (Alemanha Ocidental) - Olympiakos Nicosia (Chipre): 9-0/4-0

Tatran Presov (Checoslováquia) - Velez Mostar (Jugoslávia): 4-2/1-1

Dinamo Tbilisi (União Soviética) - Slavia Sofia (Bulgária): 4-1/0-2

Panathinaikos (Grécia) - OFK Belgrado (Jugoslávia): 1-2/1-0 (OFK vence por golos fora)

Admira Wacker (Áustria) - Inter (Itália): 1-0/1-2 (Admira vence por golos fora)

Fenerbahce (Turquia) - Arges Pitesti (Roménia): 5-1/1-1

Kosice (Checoslováquia) - Honved (Hungria): 1-0/2-5

Torino (Itália) - Lokomotive Leipzig (Alemanha Oriental): 1-2/1-2

Eskisehirspor (Turquia) - Colónia (Alemanha Ocidental): 0-0/0-2

Panachaiki (Grécia) - Grazer (Áustria): 2-1/1-0

Ards (Irlanda do Norte) - Standard Liège (Bélgica): 3-2/1-6

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Admira Wacker (Áustria) - Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental): 2-1/0-3

Aberdeen (Escócia) - Tottenham (Inglaterra): 1-1/1-4

Dinamo Tbilisi (União Soviética) - OFK Belgrado (Jugoslávia): 3-0/5-1

Nice (França) - Fenerbahce (Turquia): 4-0/0-2

Lokomotive Leipzig (Alemanha Oriental) - Wolverhampton (Inglaterra): 3-0/1-4 (Lokomotive vence por golos fora)

Panachaiki (Grécia) - Twente (Holanda): 1-1/0-7

Vitória Setúbal (Portugal) - Molenbeek (Bélgica): 1-0/1-2 (Vitória vence por golos fora)(golos lusos: Vicente/Vicente)

Marselha (França) - Colónia (Alemanha Ocidental): 2-0/0-6

Vídeo: LAZIO - IPSWICH TOWN
Vídeo: IPSWICH TOWN - LAZIO
Ipswich Town (Inglaterra) - Lázio (Itália): 4-0/2-4

Dynamo Kiev (União Soviética) - BK 1903 (Dinamarca): 1-0/2-1

Lokomotiv Plovdiv (Bulgária) - Honved (Hungria): 3-4/2-3

Ruch Chorzow (Polónia) - Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental): 3-0/0-1

Estugarda (Alemanha Ocidental) - Tatran Presov (Checoslováquia): 3-1/5-3

Leeds Utd. (Inglaterra) - Hibernian (Escócia): 0-0/0-0 (Leeds vence nos penaltis)

Feyenoord (Holanda) - Gwardia (Polónia): 3-1/0-1

Standard Liège (Bélgica) - Universitatea Craiova (Roménia): 2-0/1-1

Oitavos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Dynamo Kiev (União Soviética) - Estugarda (Alemanha Ocidental): 2-0/0-3

Vídeo: TOTTENHAM - DINAMO TBILISI
Dinamo Tbilisi (União Soviética) - Tottenham (Inglaterra): 1-1/1-5

Ipswich Town (Inglaterra) - Twente (Holanda): 1-0/2-1

Honved (Hungria) - Ruch Chorzow (Polónia): 2-0/0-5

Leeds Utd. (Inglaterra) - Vitória Setúbal (Portugal): 1-0/1-3 (golos lusos: Duda, José Maria, Torres)

Fortuna Dusseldorf (Alemanha Ocidental) - Lokomotive Leipzig (Alemanha Oriental): 2-1/0-3

Nice (França) - Colónia (Alemanha Ocidental): 1-0/0-4

Standard Liège (Bélgica) - Feyenoord (Holanda): 3-1/0-2 (Feyenoord vence por golos fora)

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Ipswich Town (Inglaterra) - Lokomotive Leipzig (Alemanha Oriental): 1-0/0-1 (Lokomotive vence nos penaltis)

Vídeo: TOTTENHAM - COLÓNIA
Colónia (Alemanha Ocidental) - Tottenham (Inglaterra): 1-2/0-3

Estugarda (Alemanha Ocidental) - Vitória Setúbal (Portugal): 1-0/2-2 (golos lusos: Torres, Duda)

Ruch Chorzow (Polónia) - Feyenoord (Holanda): 1-1/1-3

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Vídeo: TOTTENHAM - LOKOMOTIVE LEIPZIG
Lokomotive Leipzig (Alemanha Oriental) - Tottenham (Inglaterra): 1-2/0-2

Feyenoord (Holanda) - Estugarda (Alemanha Ocidental): 2-1/2-2

Final 1ª mão

Tottenham (Inglaterra) - Feyenoord (Holanda): 2-2


Data: 21 de Maio de 1974

Estádio: White Hart Lane, em Londres (Inglaterra)

Tottenham: Jennings; Evans, Naylor, Pratt, England; Beal (Dillon, aos 81m), McGrath, Perryman, Peters; Chivers, Coates. Treinador: Bill Nicholson

Feyenoord: Treytel; Rijsbergen, Van Daele, Israël, Vos; De Jong, Jansen, Van Hanegem,Ressel; Schoenmaker, Kristensen. Treinador: Wiel Coerver

Golos: 1-0 (England, aos 39m), 1-1 (Van Hanegem, aos 43m), 2-1 (Van Daele (a.g.) aos 64m), 2-2 (De Jong, aos 85m)

Final 2ª mão

Feyenoord (Holanda) - Tottenham (Inglaterra): 2-0


Data: 29 de Maio de 1974

Estádio: Feyenoord Stadium, em Roterdão (Holanda)

Feyenoord: Treytel; Rijsbergen, Van Daele, Israël, Vos; Ramljak, Jansen, De Jong,Ressel; Schoenmaker, Kristensen (Boskamp aos 76m(Wery, aos 86m)). Treinador: Wiel Coerver

Tottenham: Jennings; Evans, Naylor, Pratt (Holder, aos 77m), England; Beal, McGrath, Perryman, Peters; Chivers, Coates. Treinador: Bill Nicholson

Golos: 1-0 (Rijsbergen, aos 43m), 2-0 (Ressel, aos 84m)

Numa década (70) próspera para o futebol holandês, com quatro vitórias na Taça dos Campeões Europeus e dois vice-campeonatos do Mundo como "cartão de visita" o Feyenoord conquistava a primeira das suas duas Taças UEFA.

Vídeos: TOTTENHAM - FEYENOORD / FEYENOORD - TOTTENHAM



SUPERTAÇA EUROPEIA
Não se disputou

quarta-feira, outubro 19, 2011

Eurotaças em números (18)...

TAÇA DOS CAMPEÕES EUROPEUS

Época 1972/73

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


CSKA (Bulgária) - Panathinaikos (Grécia): 2-1/2-0

Galatasaray (Turquia) - Bayern (Alemanha Ocidental): 1-1/0-6

Waterford United (Rep.Irlanda) - Omonia (Chipre) 2-1/0-2

Wacker (Áustria) - Dynamo Kiev (União Soviética): 0-1/0-2

Sliema Wanderers (Malta) - Gornik (Polónia): 0-5/0-5

Aris (Luxemburgo) - Arges Pitesti (Roménia): 0-2/0-4

Real Madrid (Espanha) - Keflavik (Islândia): 3-0/1-0

Marselha (França) - Juventus (Itália): 1-0/0-3

Magdeburgo (Alemanha Oriental) - TPS (Finlândia): 6-0/3-1

Celtic (Escócia) - Rosenborg (Noruega): 2-1/3-1

Ujpest (Hungria) - Basileia (Suíça): 2-0/2-3

Anderlecht (Bélgica) - Vejle (Dinamarca): 4-2/3-0

Derby County (Inglaterra) - Zeljeznicar (Jugoslávia): 2-0/2-1

Malmo (Suécia) - Benfica (Portugal): 1-0/1-4 (golos lusos: Eusébio (2), Jordão, e Simões)

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


CSKA (Bulgária) - Ajax (Holanda): 1-3/0-3

Bayern (Alemanha Ocidental) - Omonia (Chipre): 9-0/4-0

Dynamo Kiev (União Soviética) - Gornik (Polónia): 2-0/1-2

Arges Pitesti (Roménia) - Real Madrid (Espanha): 2-1/1-3

Juventus (Itália) - Magdeburgo (Alemanha Oriental): 1-0/1-0

Celtic (Escócia) - Ujpest (Hungria): 2-1/0-3

Spartak Trnava (Checoslováquia) - Anderlecht (Bélgica): 1-0/1-0

Vídeo: DERBY COUNTY - BENFICA
Derby County (Inglaterra) - Benfica (Portugal): 3-0/0-0

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)


Ajax (Holanda) - Bayern (Alemanha Ocidental): 4-0/1-2

Dynamo Kiev (União Soviética) - Real Madrid (Espanha): 0-0/0-3

Juventus (Itália) - Ujpest (Hungria): 0-0/2-2 (Juventus vence por golos fora)

Spartak Trnava (Checoslováquia) - Derby County (Inglaterra): 1-0/0-2

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Ajax (Holanda) - Real Madrid (Espanha): 2-1/1-0

Vídeo: DERBY COUNTY - JUVENTUS
Juventus (Itália) - Derby County (Inglaterra): 3-1/0-0

Final

Ajax (Holanda) - Juventus (Itália): 1-0


Data: 30 de Maio de 1973

Estádio: do Estrela Vermelha, em Belgrado (Jugoslávia)

Árbitro: Milivoje Gugulovic (Jugoslávia)

Ajax: Stuy, Suurbier, Hulshoff, Blankenburg, Krol, Neeskens, Haan, Muhren, Rep, Cruyff, e Keizer. Treinador: Stefan Kovacs

Juventus: Zoff, Salvadore, Marchetti, Morini, Longobucco, Causio (Cuccureddu, aos 57m), Furino, Capello, Altafini, Anastasi, e Bettega (Haller, aos 49m). Treinador: Cestmir Vycpálek

Golos: 1-0 (Rep, aos 4m)

Um tento madrugador de Johnny Rep deu ao Ajax liderado pelo mago Johan Cruyff o seu terceiro triunfo consecutivo na prova rainha do futebol europeu ao nível de clubes.

Vídeo: AJAX - JUVENTUS



Melhor marcador:Gerd Muller (Bayern): 11 golos

TAÇA DAS TAÇAS

Época 1972/73

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Bastia (França) - Atlético Madrid (Espanha): 0-0/1-2

Spartak Moscovo (União Soviética) - Den Haag (Holanda): 1-0/0-0

Vikingur (Islândia) - Légia (Polónia): 0-2/0-9

Red Boys (Luxemburgo) - Milan (Itália): 0-1/1-6

Pezopokikos (Chipre) - Cork Hibernians (Rep:Irlanda): 1-2/1-4

Schalke 04 (Alemanha Ocidental) - Slavia Sofia (Bulgária): 2-1/3-1

Floriana (Malta) - Ferencvaros (Hungria): 1-0/0-6

Standard Liège (Bélgica) - Sparta Praga (Checoslováquia): 1-0/2-4

Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental) - MP (Finlândia): 6-1/2-3

Ankaragucu (Turquia) - Leeds Utd. (Inglaterra): 1-1/0-1

Rapid Viena (Áustria) - PAOK (Grécia): 0-0/2-2 (Rapid vence por golos fora)

Rapid Bucareste (Roménia) - Landskrona (Suécia): 3-0/0-1

Sporting (Portugal) - Hibernian (Escócia): 2-1/1-6 (golos lusos: Fraguito, Manaca/Yazalde)

Fremad (Dinamarca) - Besa Kavage (Albânia): 1-1/0-0 (Besa vence por golos fora)

FC Zurich (Suíça) - Wrexham (País de Gales): 1-1/1-2

Hajduk Split (Jugoslávia) - Fredrikstad (Noruega): 1-0/1-0

2ª Eliminatória (1ª e 2º mãos)

Atlético Madrid (Espanha) - Spartak Moscovo (União Soviética): 3-4/2-1 (Spartak vence por golos fora)

Légia (Polónia) - Milan (Itália): 1-1/1-2

Cork Hibernians (Rep.Irlanda) - Schalke 04 (Alemanha Ocidental): 0-0/0-3

Ferencvaros (Hungria) - Sparta Praga (Checoslováquia): 2-0/1-4

Vídeo: LEEDS UNITED - CARL ZEISS JENA
Carl Zeiss Jena (Alemanha Oriental) - Leeds Utd. (Inglaterra): 0-0/0-2

Rapid Viena (Áustria) - Rapid Bucareste (Roménia): 1-1/1-3

Hibernian (Escócia) - Besa Kavage (Albânia): 7-1/1-1

Wrexham (País de Gales) - Hajduk Split (Jugoslávia): 3-1/0-2 (Hajduk vence por golos fora)

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Spartak Moscovo (União Soviética) - Milan (Itália): 0-1/1-1

Schalke 04 (Alemanha Ocidental) - Sparta Praga (Checoslováquia): 2-1/0-3

Leeds Utd. (Inglaterra) - Rapid Bucareste (Roménia): 5-0/3-1

Hibernian (Escócia) - Hajduk Split (Jugoslávia): 4-2/0-3

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Milan (Itália) - Sparta Praga (Checoslováquia): 1-0/1-0

Leeds Utd. (Inglaterra) - Hajduk Split (Jugoslávia): 1-0/0-0

Final

Milan (Itália) - Leeds Utd. (Inglaterra): 1-0


Data: 16 de Maio de 1973

Estádio: Kaftanzoglio Stadium, em Salónia (Grécia)

Árbitro: Christos Michas (Grécia)

Milan: Vecchi, Sabadini, Zignoli, Anquilletti, Turone, Rosato (Dolci, aos 59m), Rivera, Benetti, Sogliano, Bigon, e Chiarugi. Treinador: Nereo Rocco

Leeds Utd: Harvey, Reaney, Cherry, Bates, Madeley, Hunter, Gray (McQueen, aos 54m), Yorath, Lorimer, Jordan, e Jones. Treinador: Don Revie

Golo: 1-0 (Chiarugi, aos 5m)

Numa final de arbitragem polémica e jogo violento protagonizado por ambas as partes Milan levava para casa pela segunda vez na sua história a Taça das Taças.

Vídeo: MILAN - LEEDS UNITED



Melhor marcador:Luciano Chiarugi (Milan): 7 golos

TAÇA UEFA

Época 1972/73

1ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)


Aberdeen (Escócia) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 2-3/3-6

Atvidabergs (Suécia) - Club Brugge (Bélgica): 3-5/2-1

Manchester City (Inglaterra) - Valencia (Espanha): 2-2/1-2

Lyn (Noruega) - Tottenham (Inglaterra): 3-6/0-6

Colónia (Alemanha Ocidental) - Bohemians (Rep.Irlanda): 2-1/3-0

Honved (Hungria) - Partick Thistle (Escócia): 1-0/3-0

Viking (Noruega) - IBV (Islândia): 1-0/0-0

Feyenoord (Holanda) - Rumelange (Luxemburgo): 9-0/12-0

Liverpool (Inglaterra) - Eintracht Frankfurt (Alemanha Ocidental): 2-0/0-0

Nimes (França) - Grasshoppers (Suíça): 1-2/1-2

Vitória Setúbal (Portugal) - Zaglebie (Polónia): 6-1/0-1 (golos lusos: Duda (2), Jacinto João (2), Arcânjo, Guerreiro)

Stoke City (Inglaterra) - Kaiserslautern (Alemanha Ocidental): 3-1/0-4

Racing White (Bélgica) - CUF (Portugal): 0-1/0-2

Torino (Itália) - Las Palmas (Espanha): 2-0/0-4

Sochaux (França) - Frem (Dinamarca): 1-3/1-2

Olympiakos (Grécia) - Cagliari (Itália): 2-1/1-0

Angers (França) - Dynamo Berlim (Alemanha Oriental): 1-1/1-2

FC Porto (Portugal) - Barcelona (Espanha): 3-1/1-0 (golos lusos: Abel (2), Flávio/Abel)

Universitatea Cluj (Roménia) - Levski Sofia (Bulgária): 4-1/1-5

Estrela Vermelha (Jugoslávia) - Lausanne (Suíça): 5-1/2-3

Inter (Itália) - Valletta FC (Malta): 6-1/1-0

Beroe Stara Zagora (Bulgária) - Áustria Viena (Áustria): 7-0/3-1

Arad (Roménia) - IFK Norrkoping (Suécia): 1-2/0-2

EPA Larnaca (Chipre) - Ararat Yerevan (União Soviética): 0-1/0-1

AEK Atenas (Grécia) - Salgotarjan (Hungria): 3-1/1-1

Eskisehirspor (Turquia) - Fiorentina (Itália): 1-2/0-3

Dukla Praga (Checoslováquia) - OFK Belgrado (Jugoslávia): 2-2/1-3

Slovan Bratislava (Checoslováquia) - Vojvodina (Jugoslávia): 6-0/2-1

Dinamo Tiblisi (União Soviética) - Twente (Holanda): 3-2/0-2

Ruch Chorzow (Polónia) - Fenerbahce (Turquia): 3-0/0-1

Dynamo Dresden (Alemanha Oriental) - SK Linz (Áustria): 2-0/2-2

2ª Eliminatória (1ª e 2ª mãos)

Dynamo Berlim (Alemanha Oriental) - Levski Sofia (Bulgária): 3-0/0-2

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Hvidovre (Dinamarca): 3-0/3-1

FC Porto (Portugal) - Club Brugge (Bélgica): 3-0/2-3 (golos lusos: Flávio, Abel (2)/ Abel, Pavão)

Vídeo: TOTTENHAM - OLYMPIAKOS
Vídeo: OLYMPIAKOS - TOTTENHAM
Tottenham (Inglaterra) - Olympiakos (Grécia): 4-0/0-1

Estrela Vermelha (Jugoslávia) - Valencia (Espanha): 3-1/1-0

Inter (Itália) - IFK Norrkoping (Suécia): 2-2/2-0

Viking (Noruega) - Colónia (Alemanha Ocidental): 1-0/1-9

Beroe Stara Zagora (Bulgária) - Honved (Hungria): 3-0/0-1

Feyenoord (Holanda) - OFK Belgrado (Jugoslávia): 4-3/1-2

Liverpool (Inglaterra) - AEK Atenas (Grécia): 3-0/3-1

Vitória Setúbal (Portugal) - Fiorentina (Itália): 1-0/1-2 (Vitória vence por golos fora)(golos lusos: Duda/Duda)

Grasshoppers (Suíça) - Ararat Yerevan (União Soviética): 1-3/2-4

CUF (Portugal) - Kaiserslautern (Alemanha Ocidental): 1-3/1-0

Las Palmas (Espana) - Slovan Bratislava (Checoslováquia): 2-2/1-0

Ruch Chorzow (Polónia) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 0-1/0-3

Frem (Dinamarca) - Twente (Holanda): 0-5/0-4

Oitavos-de-final (1ª e 2ª mãos)

Ararat Yerevan (União Soviética) - Kaiserslautern (Alemanha Ocidental): 2-0/0-2 (Kaiserslautern vence nos penaltis)

Colónia (Alemanha Ocidental) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 0-0/0-5

Vídeo: TOTTENHAM - ESTRELA VERMELHA
Tottenham (Inglaterra) - Estrela Vermelha (Jugoslávia): 2-0/0-1

Twente (Holanda) - Las Palmas (Espanha): 3-0/1-2

OFK Belgrado (Jugoslávia) - Beroe Stara Zagora (Bulgária): 0-0/3-1

Vitória Setúbal (Portugal) - Inter (Itália): 2-0/0-1 (golos lusos: Duda, Bini (p.b.))

Vídeo: LIVERPOOL - DYNAMO BERLIN
Dynamo Berlim (Alemanha Oriental) - Liverpool (Inglaterra): 0-0/1-3

FC Porto (Portugal) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 1-2/0-1 (golo luso: Abel)

Quartos-de-final (1ª e 2ª mãos)


Kaiserslautern (Alemanha Ocidental) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 1-2/1-7

OFK Belgrado (Jugoslávia) - Twente (Holanda): 3-2/0-2

Tottenham (Inglaterra) - Vitória Setúbal (Portugal): 1-0/1-2 (Tottenham vence por golos fora) (golos lusos: Câmpora, Torres)

Liverpool (Inglaterra) - Dynamo Dresden (Alemanha Oriental): 2-0/1-0

Meias-finais (1ª e 2ª mãos)

Liverpool (Inglaterra) - Tottenham (Inglaterra): 1-0/1-2 (Liverpool vence por golos fora)

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Twente (Holanda): 3-0/2-1

Final (1ª mão)

Liverpool (Inglaterra) - Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental): 3-0


Data: 10 de Maio de 1973

Estádio: Anfield Road, em Liverpool (Inglaterra)

Árbitro: Erich Linemayr (Áustria)

Liverpool: Clemence, Lawler, Lindsay, Smith, Lloyd, Hughes, Keegan, Cormack, Toshack, Heighway (Hall, aos 83m), e Callaghan. Treinador: Bill Shankly

Borussia Monchengladbach: Kleff, Michallik, Netzer, Bonhof, Vogts, Wimmer, Danner, Kulik, Jensen, Rupp (Simonsen, aos 82m), e Heynckes. Treinador: Hennes Weisweiler

Golos: 1-0 (Keegan, aos 21m), 2-0 (Keegan, aos 32m), 3-0 (Lloyd, aos 61m)

Final (2ª mão)

Borussia Monchengladbach (Alemanha Ocidental) - Liverpool (Inglaterra): 2-0


Data: 23 de Maio de 1973

Estádio: Bokelbergstadion, em Monchengladbach (Alemanha Ocidental)

Árbitro: Pavel Kazakov Borussia Monchengladbach: Kleff, Surau, Netzer, Bonhof, Vogts, Wimmer, Danner, Kulik, Jensen, Rupp, e Heynckes: Treinador: Hennes Weisweiler

Liverpool: Clemence, Lawler, Lindsay, Smith, Lloyd, Hughes, Keegan, Cormack,Heighway (Boersma, aos 77m), Toshack, Callaghan. Treinador: Bill Shankly

Golos: 1-0 (Heynckes, aos 29m), 2-0 (Heynckes, aos 40m)

1973 é um ano histórico para o futebol europeu. É o ano do nascimento do grande Liverpool que dominou e encantou a Europa durante as décadas de 70 e 80 sob a batuta do lendário técnico Bill Shankly. Em 73 os "reds" conquistavam o seu primeiro torféu continental, a que se seguiriam quatro Taças dos Campeões Europeus e mais uma Taça UEFA. Notável!

Vídeos: LIVERPOOL - B. MONCHENGLADBACH / B. MONCHENGLADBACH - LIBERPOOL



SUPERTAÇA EUROPEIA

Época 1972/73

1ª mão

Milan (Itália) - Ajax (Holanda): 1-0


Data: 9 de Janeiro de 1974

Estádio: San Siro, em Milão (Itália)

Milan: Vecchi, Sabadini, Maldera, Schnellinger, Anquiletti, Turone, Borini(Bergamaschi), Benetti, Biaziolo, Rivera, Chiarugi. Treinador: Cesare Maldini

Ajax: Stuy, Suurbier, Krol, Blankenburg, Hulshoff, G. Mühren, Rep, Neeskens, Mulder, Haan, Keizer. Treinador: George Knobel

Golo: 1-0 (Chiarugi, aos 77m)

2ª mão

Ajax (Holanda) - Milan (Itália): 6-0


Data: 16 de Janeiro de 1974

Estádio: Olímpico de Amesterdão (Holanda)

Ajax: Stuy, Suurbier, Krol, Blankenburg, Hulshoff, G.Mühren, Rep, Neeskens, Mulder, Haan, Keizer. Treinador: George Knobel

Milan: Vecchi, Sabadini, Maldera, Schnellinger, Anquiletti, Turone, Dolci,Benetti, Biaziolo (Tresoldi), Rivera, Chiarugi: Treinador: Cesare Maldini

Golos: 1-0 (Mulder, aos 26m), 2-0 (Keizer, aos 35m), 3-0 (Neeskens, aos 71m), 4-0 (Rep, aos 81m), 5-0 (Muhren, aos 84m), 6-0 (Haan, aos 87m)Após humilhar o Milan no Olímpico de Amesterdão o Ajax conquistava pela segunda vez consecutiva a "jovem" Supertaça Europeia.

terça-feira, outubro 18, 2011

Lista de Campeões... Recopa Sul-Americana

Está para a América do Sul como a Supertaça Europeia está para o "Velho Continente". Criada em 1989 a Recopa Sul-Americana é considerada a terceira prova da CONMEBOL e opõe os vencedores da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana. Facto este que acontece apenas desde 2003, já que antes o troféu era disputado entre os campeões da Libertadores e da extinta Supercopa dos Campeões da Libertadores. A Recopa é disputada num sistema de duas mãos, uma em casa de cada um dos clubes envolvidos nessa mesma disputa, pese embora em determinado período da sua história (entre 1990 e 2004) fosse discutida num só jogo disputado em campo neutro. Japão e Estados Unidos da América receberam então algumas decisões da competição. Em termos de clubes o Boca Juniors da Argentina é o emblema mais laureado, com quatro títulos no seu currículo. Brasil é o país que mais vezes viu os seus clubes erguerem o troféu, nove no total. Em seguida a galeria de vencedores:

1989: NACIONAL (Uruguai)1990: BOCA JUNIORS (Argentina)

1991: OLIMPIA (Paraguai)1992: COLO-COLO (Chile)1993: SÃO PAULO (Brasil)1994: SÃO PAULO (Brasil)1995: INDEPENDIENTE (Argentina)1996: GRÊMIO (Brasil)1997: VÉLEZ SARSFIELD (Argentina)1998: CRUZEIRO (Brasil)

1999 a 2002 não se disputou2003: OLIMPIA (Paraguai)2004: CIENCIANO (Perú)2005: BOCA JUNIORS (Argentina)2006: BOCA JUNIORS (Argentina)2007: INTERNACIONAL (Brasil)2008: BOCA JUNIORS (Argentina)2009: LIGA DE QUITO (Equador)2010: LIGA DE QUITO (Equador)2011: INTERNACIONAL (Brasil)
2012: SANTOS (Brasil)
2013: CORINTHIANS (Brasil)
2014: ATLÉTICO MINEIRO (Brasil)
2015: RIVER PLATE (Argentina)
2016: RIVER PLATE (Argentina)
2017: ATLÉTICO NACIONAL (Colômbia)

sexta-feira, outubro 14, 2011

Lista de Campeões... Liga dos Campeões Europeus Feminina

Como o próprio nome indica é a prova rainha do futebol feminino europeu. Criada pela UEFA na temporada de 2001/02 ela coroa as rainhas do desporto rei continental no final de cada época. Inicialmente baptizada de UEFA Womens Cup a prova passou a deter a actual denominação em 2009/10 e vê na Alemanha o país que mais vezes levantou o bonito troféu que se pode ver em cima. Por nove ocasiões a taça viajou para terras germânicas, tendo em quatro delas seguido nas mãos do FFC Frankfurt, clube que a par dos franceses do Lyon é o mais laureado da história da competição. Seguidamente o histórico visual das rainhas continentais.

2001/02: FFC FRANKFURT (ALEMANHA)

2002/03: UMEA IK (SUÉCIA)

2003/04: UMEA IK (SUÉCIA)2004/05: FFC TURBINE POTSDAM (ALEMANHA)2005/06: FFC FRANKFURT (ALEMANHA)2006/07: ARSENAL (INGLATERRA)2007/08: FFC FRANKFURT (ALEMANHA)2008/09: FCR 2001 DUISBURG (ALEMANHA)2009/10: FFC TURBINE POTSDAM (ALEMANHA)2010/11: LYON (FRANÇA)
2011/12: LYON (FRANÇA)
2012/13: WOLFSBURG (ALEMANHA)
2013/14: WOLFSBURG (ALEMANHA)
2014/15: FFC FRANKFURT (ALEMANHA)
2015/16: LYON (FRANÇA)
2016/17: LYON (FRANÇA)